Convênio da GoiásFomento com Prefeitura da Cidade de Goiás viabiliza operação do Banco Popular Solidário



Parceria possibilita à Agência de Fomento disponibilizar R$ 2 milhões para operações de crédito a serem realizadas no município. Estrutura de atendimento contará ainda com espaço para capacitação de empreendedores vilaboenses. Unidade deve ser inaugurada até o fim deste ano, e iniciativa pioneira pode ser replicada em outras localidades

O Governo de Goiás, por meio da GoiásFomento, assinou nesta sexta-feira (29/10) convênio com a Prefeitura da Cidade de Goiás que possibilitará a instalação do Banco Popular Solidário de Goiás, com a destinação de R$ 2 milhões para a realização de operações de crédito no município. A unidade deve ser inaugurada até o fim deste ano.

A solenidade aconteceu no Hotel Vila Boa, com a presença do presidente da Agência de Fomento, Rivael Aguiar, do prefeito Aderson Gouvea, de lideranças políticas e representantes de entidades de classe do município. “Esta é uma parceria histórica e pioneira no Estado. O governador Ronaldo Caiado determinou que a gente atendesse o município de Goiás, no sentido de promover uma solução para viabilizar o Banco Popular Solidário, usando a estrutura da GoiásFomento”, afirmou Rivael Aguiar.

O prefeito Aderson Gouvea agradeceu o governador e destacou a importância da parceria. Ele lembrou que a pandemia ainda está sendo vencida, e o município precisa fomentar o empreendedorismo para incrementar a circulação de recursos financeiros. “Com essa parceria com a GoiásFomento, nós vamos poder emprestar dinheiro para os pequenos empreendedores daqui, com juros baratos e bastante acessíveis”, disse.

Estrutura

Rivael Aguiar explicou que o modelo adotado propiciará que os empreendedores vilaboenses tenham à disposição uma estrutura municipal de concessão de crédito, com atendimento personalizado. Por meio do convênio, a Prefeitura da cidade de Goiás fez um aporte de R$ 500 mil para o Fundo de Equalização para o Empreendedor (Fundeq), o fundo de aval do Governo do Estado, que servirá para a oferta de garantias nas operações de crédito.

A prefeitura montará a estrutura de atendimento do Banco Popular Solidário de Goiás, que contará ainda com espaço para capacitação dos empreendedores. A GoiásFomento treinará os servidores municipais que serão responsáveis pela operacionalização do atendimento, ou seja, toda a orientação para tomada de crédito, checagem dos documentos, inserção das propostas no sistema da instituição financeira, além de consulta prévia aos órgãos de proteção do crédito. A aprovação do crédito, contudo, fica sujeita às normas da GoiásFomento.

Conforme Rivael Aguiar, o modelo adotado pela Prefeitura da cidade de Goiás é diferente do previsto no termo de adesão dos municípios em geral, no qual a prefeitura realiza apenas o atendimento aos tomadores de crédito locais. “Nesse caso, a prefeitura tem uma ação de maior autonomia, presta um atendimento mais personalizado e realiza a pré-análise desses tomadores do crédito”, afirmou.

Além disso, as operações contam com garantia 100% do Fundeq; e o município tem uma participação mais ativa na definição dos critérios de concessão e aprovação do financiamento, se vão ser mais flexíveis ou mais restritivos.

Recursos municipais

No caso da Prefeitura de Goiás, o órgão está colocando valor equivalente a 25% dos recursos que serão operados pela Agência de Fomento no município. A GoiásFomento garantirá até 100% individualmente de cada contrato, e será possível uma análise de crédito mais facilitada para o cliente vilaboense.

O presidente da GoiásFomento avaliou que o modelo adotado pela gestão municipal de Goiás é mais qualificado, porque a prefeitura tem uma participação maior na definição dos critérios da linha de crédito. Adiantou que este é o primeiro modelo desse tipo assinado com um município goiano, mas a GoiásFomento já está em negociação com outras prefeituras. “A ideia é replicar com outras prefeituras que estiverem interessadas nesse novo modelo”, destacou.

Por Gessy Chaves
Jornalista
Foto: GoiásFomento


Share on Google Plus

About Grupo GBC

0 comentários:

Postar um comentário

Comentários anônimos não serão publicados.