Uma nova onda a vista: Cidade de Goiás bate a marca de 2.000 casos de COVID-19 confirmados


Em mais de um ano e meio de pandemia do novo coronavírus, cada vez mais se anseia a volta para a “rotina normal’’, em um mundo sem máscaras e isolamento social. A criação da vacina - em tempo recorde - trouxe então, a expectativa de que a pandemia acabaria em breve, assim que todos conseguissem receber a vacinação.

Porém, essa realidade vem sendo quebrada. Entre os motivos, consideram-se a evolução lenta da vacinação nas primeiras etapas, e a imprudência por parte da população, que resultam em um maior número de casos positivos. A Cidade de Goiás bateu nesta terça-feira/17, mais de dois mil casos positivos de Covid-19.

Com uma população estimada de 18.549 pessoas, é estimado então quase 11% dos moradores da cidade já tiveram Covid-19. No município, o número de casos confirmados em agosto já supera o mês de julho. Em julho, 173 casos foram confirmados, já em 17 dias do mês de agosto, 240 casos foram confirmados, dos quais 18 foram confirmados na segunda/16, e 27 casos nesta terça/17.

Cidade de Goiás

O diretor da Vigilância Sanitária da Cidade de Goiás, Weder de Bastos, declarou a nossa reportagem que ''o município tem feito cerca de 1.000 (mil) testes swab nasal em 10 dias - em tese, 100 testes por dia. Além disso, nas últimas duas semanas, as notificações e testes feitos cresceram gradativamente, com todos os leitos de UTIs ocupados e grande demanda de atendimento na Unidade Primária Respiratória (UPR)'', que de acordo com o Boletim Epidemiólogico atendeu até hoje 26.637 pessoas suspeitas de infecção pelo vírus SARS-CoV-2. 

Em relação a vacinação, Weder afirmou ainda que existe sim uma ação da população em ligar para as unidades para descobrir qual a vacina está sendo aplicada/disponível, porém, nenhum caso de recusa oficial de vacinação devido a escolha de vacinas. Na Cidade de Goiás, 77,38% da população total já recebeu ao menos uma dose do imunizante, a segunda dose já chegou a 32,46%. Entretanto, mesmo com esse percentual de vacinação, o município de Goiás bateu hoje (17/08) a marca de 2.000 de confirmados (tendo hoje 2.003 casos), sendo 27 contaminados amais confirmados desde ontem/16, quando havia 1.976 casos confirmados. 

Variantes

Outro ponto que é preciso entrar em pauta se trata do surgimento de novas variantes: novas mutações no código genético do vírus,trazendo então, novas reações e comportamentos no organismo humano. Até o momento, estão catalogadas: Variante Alfa ( antiga B.1.1.7, identificada no Reino Unido), Variante Beta (a antiga B.1.351, identificada na África do Sul), Variante Gama (a antiga P.1, identificada no Brasil) e a popular Variante Delta (a antiga B.1.617.2, identificada na Índia).

No estado de Goiás, a variante Delta já registrou 11 casos confirmados e um óbito. Em um número maior, o estado tem 181 casos da gama plus, uma das variantes que tem como característica sua alta taxa de transmissão, com mais facilidade até mesmo que a variante Delta.

A SES-GO declarou em nota que:
“o Estado monitora o surgimento de novos casos e iniciará, assim que conseguir mais detalhes, a investigação dos casos detectados para identificar se há diferenças na sua transmissão e evolução comparados aos casos infectados com as outras variantes já em circulação.”. 

Por João Pedro Felix
ASCOM CNN
Share on Google Plus

About Grupo GBC

0 comentários:

Postar um comentário

Comentários anônimos não serão publicados.