Família improvisa festa para comemorar os 106 anos de idosa, na cidade de Goiás


Por conta da pandemia do coronavírus, ela não pôde reunir toda a família e os amigos como tradicionalmente fazia. Mesmo assim, segundo bisneta, ela ficou emocionada ao comemorar mais um ano de vida.

Ubaldina Caldas de Santana celebrou os 106 anos no domingo (17) de uma forma diferente da que era acostumada a comemorar. Por conta da pandemia do coronavírus, em vez de a casa estar lotada de parentes, somente os familiares que moram com ela na cidade de Goiás, na região central do estado, puderam participar da festa.

A bisneta Priscylla Santana da Silva Santos, de 27 anos, conta que "Dona Fiota" como carinhosamente Ubaldina é chamada pela família, sempre gostou de comemorar o aniversário e não abria mão de um grande evento nesta data. Apesar de não poder reunir toda a família e os amigos como tradicionalmente fazia, ela ficou emocionada em comemorar mais um ano de vida.

"Apesar da idade, ela ainda está muito lúcida e compreende que não podemos fazer uma festa grande, do jeito que ela gosta. Ela assiste sempre aos jornais e está super preocupada com a pandemia. Por isso, nem precisamos nos preocupar em explicar para ela porque não fizemos uma festa", conta a bisneta.

Diante da pandemia, Priscylla afirma que os familiares estão procurando preservar a idosa que, apesar de não ter problemas de saúde, faz parte do grupo de risco pela idade.
"Ela está quietinha em casa e convivendo só com quem mora com ela. Estamos tomando todos os cuidados necessários. Às vezes, ela fica bem triste por não poder visitar as pessoas que ela gosta e até já falou que quando tudo isso passar a primeira coisa que ela vai fazer é visitar os amigos", disse.
Por Gessy Chaves
Jornalista
Fonte: Site G1
Compartilhe no Google Plus

Publicidades

0 comentários:

Postar um comentário

Comentários anônimos não serão publicados.