UFG, Seduce - Governo de Goiás, apresentam e convidam para o MERCADO DE CULTURAS na Cidade de Goiás

A Universidade Federal de Goiás – Regional Goiás, realizará na cidade de Goiás a primeira edição do projeto Mercado de Culturas, que pretende através de diferentes apresentações artístico-culturais aproximar a comunidade acadêmica de diversos outros agentes da cidade, propiciando assim a troca de experiências e conhecimentos, a circulação e criação de bens culturais e a formação de um público crítico e antenado.

Nessa edição que ocorrerá esse mês (maio) o tema é “Diversidade”. O tema vai permear todas as ações do projeto que tem início marcado para o dia 09 na UEG com uma palestra de abertura. Na sequência (17) uma mostra de vídeos acontecerá no Cine Teatro (coord. IFG) e para fechar o ciclo de debates uma mesa redonda na UFG no dia que antecede os shows (24). No dia 25 de maio o encerramento da 1ª edição do mercado de culturas acontece no Mercado Municipal da Cidade de Goiás com a participação das bandas: Samba Legal (Goiás – GO), As Bahias e a Cozinha Mineira (São Paulo – SP) e Boogarins (Goiânia – GO).

Sobre as ATRAÇÕES MUSICAIS

SAMBA LEGAL (Goiás-GO)

Samba Legal surgiu em 1988 na Cidade de Goiás através da união de amigos e familiares próximos. Com a nova formação o grupo já tem vinte anos de estrada na busca incansável de alcançar o sucesso.

AS BAHIAS E A COZINHA MINEIRA - foto abaixo dir. (São Paulo – SP)

Com duas vocalistas trans, Raquel Virgínia e Assucena Assucena, a banda "As Bahias e a Cozinha Mineira" é a nova sensação da música contemporânea brasileira. O segundo trabalho intitulado BIXA traz uma nova sonoridade ao trabalho do grupo. Atentas aos sintetizadores e aos sons da cidade, homenageiam a natureza, a palavra, o som, o lirismo, a cor. Um show dançante, tropical e colorido. Bixa é purpurina, é dancing, é contracultura, é Bicho. É vida que dança em meio ao caos da cidade e a clausura das normas.

Boogarins - foto acima esq. (Goiânia – GO)

Experimentar, reinventar, misturar, destruir; sendo no final um grande brincar com sentimentos e sons. O que no começo era um projeto de gravação de quarto de dois amigos, se tornou bando/banda. Se estendeu aos palcos, e dentro uma rotina extensa de shows, a apresentação ao vivo do grupo naturalmente ganhou uma força bela e livre, com improvisos e novos ares que florescem dentro das canções e dos ouvintes. Completando 4 anos de historia, o grupo formado por Benke Ferraz, Dinho Almeida, Raphael Vaz e Ynaiã Benthroldo (Macaco Bong), tem extenso currículo de apresentações no Brasil, Estados Unidos, Europa e acaba de lançar o EP "Lá vem a morte".

Por Gessy Chaves
Jornalista - MT/GO 3243
Com informações de Edinardo Rodrigues Lucas 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários anônimos não serão publicados.

 
© Copyright Jornal Classifique 2011 - Todos os Direitos Reservados | Powered by Grupo GBC.
Template Design iNOVA Criaçoes | Desenvolvido para Jornal Classifique e Novagraf