CEPI Professor Alcide Jubé: a história continua.


Por José Maria
Sociólogo e Professor / Diretor do CEPI

      No final do mês de Fevereiro deste ano o Governo do Estado de Goiás realizou eleições para Diretores da Rede Pública de Ensino, após três anos e meio de duração das últimas gestões.
Como em qualquer processo democrático, onde nem todos podem sair ganhando, ocorrem experiências de transferência de poder de comportamento variado, indo desde a manutenção da situação vigente, em caso de reeleição (que é algo positivo ou negativo, conforme cada realidade institucional), passando pela alternância amistosa de cargo entre as partes e chegando, até mesmo, a lamentável “política de terra arrasada”, com a concepção de que “se não pode ser meu não vai ser de mais ninguém”.
O comportamento apontado por último geralmente é percebido quando ideologias opostas se substituem nas posições de liderança. De fato, é uma estratégia sócio-política também muito utilizada no desfecho de guerras, buscando-se não deixar nada para o oponente. O povo brasileiro está habituado com tal procedimento em ocasião de posse de novos gestores públicos, seja na esfera municipal, estadual ou federal. E tão reprovável quanto tal postura de quem sai é a perpetuação da intolerância através dos atos de quem entra, quando este procura apagar de tal maneira os vestígios de seu antecessor ao ponto de eliminar não só a herança ruim como também algum legado bom que poderia ser aproveitado dando seguimento ao que deu certo. E, em tais circunstâncias, saber separar o joio do trigo nem sempre é uma tarefa fácil.
Eu, que vos escrevo este artigo, pessoalmente tive a honra de poder participar deste último pleito de diretores e ser abençoado pela aprovação de 88% dos eleitores de nossa comunidade escolar, a saber, o Centro de Ensino em Período Integral (CEPI) Professor Alcide Jubé. E venho desde já agradecer por essa vitória, primeiramente a Deus, e em seguida a nossos alunos, pais, professores e administrativos pelos votos de confiança. Os desafios pedagógicos, administrativos e estruturais são grandes, mas Deus é bom e sua misericórdia dura para sempre.
Aproveito esta oportunidade para convidar toda a sociedade para vir conhecer melhor o nosso novo modelo de escola, baseado no Programa Novo Futuro que defende a implantação das escolas de ensino médio em período integral, visando uma melhor otimização do aprendizado de nossos jovens na educação básica, conceito inclusive que é uma tendência mundial para os próximos anos. Este novo sistema nos permite certa autonomia para buscarmos parcerias  junto a sociedade civil organizada composta por empresários, artistas, atletas, intelectuais, lideranças, igrejas, autônomos, dentre outros segmentos. E por isso mesmo nossa equipe está de portas abertas para poder desenvolver junto a todos os vilaboenses essa nova página da história de nossa educação. Contamos com vocês.

Venham nos conhecer!
Avenida Professor Alcide Jubé

Contatos: (62) 3371-1216
Email: alcidejube@hotmail.com e/ou 52002594@seduc.go.gov.br

Por Hygor Antônio

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários anônimos não serão publicados.

 
© Copyright Jornal Classifique 2011 - Todos os Direitos Reservados | Powered by Grupo GBC.
Template Design iNOVA Criaçoes | Desenvolvido para Jornal Classifique e Novagraf