Temporada de chuva faz aumentar os buracos nas ruas Itaberaí

Com a temporada de chuva, começam também as reclamações dos buracos. O problema novamente se repete em Itaberaí, basta dar uma volta para ver como está a situação.
Na esquina da Avenida 16, na Vila Leonor, há buracos de vários tamanhos. Para desviar, os carros invadem a pista contrária, andando contramão.
Na rotatória da praça Brasil é de grande movimento. E os motorista que trafegam lá, não tem como escapar dos buracos. Quem sofre mais são os motoqueiros.
Esses são apenas alguns exemplos da quantidade de buracos que se encontra em nossa cidade. Mesmo depois do recapeamento feito pelo Governador, através do programa RODOVIDA urbano.

Reparo
A prefeitura de Itaberaí começou o reparo.

Como reclamar
O motorista que tiver algum dano no carro causado pela má conservação das ruas pode entrar na Justiça. De acordo com a Defensoria Pública, é preciso ter provas e testemunhas, fazer boletim de ocorrência e tirar fotografias do local. Depois, é só acionar a Vara da Fazenda Pública.

Manutenção
O surgimento de um defeito no pavimento começa com um pequeno defeito na estrutura que é causado ou pelo pavimento antigo, já com a vida útil vencida, ou um defeito de construção do pavimento ou do projeto. Na época de chuva, a água fica empossada nessa cavidade e a pressão da roda do veículo no local faz com que as partículas da superfície do pavimento se soltem e o defeito vira uma panelinha”, explica o professor do departamento de engenharia civil da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) Marcos Antônio Garcia Ferreira

Mas o reparo deve ser feito com toda a técnica para que seja eficiente. “A operação tapa-buraco tem uma metodologia para ser feita, não basta simplesmente jogar a massa asfáltica em cima do buraco, ele tem que ser preparado para receber essa massa”, alerta.

“Eu faço uma comparação próxima a do trabalho de um dentista, quando ele vai tratar um dente cariado: ele pega a broca, limpa todo o material cariado que tem no dente, impermeabiliza e só então coloca massa para fechar o dente. Isso fica perfeito. No pavimento a mesma coisa, tinha que fazer assim, se não o serviço não vai resolver e logo, logo estará desfeito”, afirma.

Exemplo de manutenção mal feita aconteceu na Av. Belizário de Almeida, esq. com a Praça Balduíno Silva Caldas, o buraco foi tampado recentemente, mas já começou a abrir de novo.


Por Jonathan Chaves
Fonte: portalitaberai.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários anônimos não serão publicados.

 
© Copyright Jornal Classifique 2011 - Todos os Direitos Reservados | Powered by Grupo GBC.
Template Design iNOVA Criaçoes | Desenvolvido para Jornal Classifique e Novagraf