15/02 - 18:00h - Cidade de Goiás terá Campanha do Detran - Balada Responsável

O diretor de Operações do Detran, Coronel Sebastião Vaz, anunciou que na sexta-feira, dia 17, as equipes do Balada Responsável vão sair do Detran em direção à região metropolitana de Goiânia e municípios turísticos do interior (Goiânia, Aparecida de Goiânia, Trindade, Anápolis, Senador Canedo, Caldas Novas, Jaraguá, São Simão, Quirinópolis, Pirenópolis, Aruanã, cidade de Goiás e Goianésia). “Nós estamos envolvendo 100 servidores do Detran, 60 pessoas na equipe de educação e 40 nas ações do Balada Responsável”, relata Coronel Vaz. 

O diretor técnico do Detran, Horácio Mello e o diretor de Operações, coronel Sebastião Vaz, anunciaram nesta tarde a ampliação das ações do programa Balada Responsável para o feriado de carnaval, de sexta-feira, dia 17, até a quarta-feira de cinzas. “A campanha terá duas fases. Uma nas ruas com nossa equipe fiscalizando as pessoas que não respeitam as regras de trânsito e insistem na combinação de álcool e volante; e outra com as equipes percorrendo festas, bares e restaurantes e entregando panfletos, fazendo um trabalho educativo para evitar que as pessoas peguem o volante após beber”, explica Horácio Mello.

Segundo o diretor técnico do Detran, um dos principais objetivos da ações será mostrar a presença do Estado e mudar o comportamento do motorista infrator. “A campanha vai continuar. Queremos reduzir as mortes em 50% numa década. A meta é reduzir já em 25% nesses primeiros quatro anos, envolvendo investimentos em engenharia, fiscalização e formação do condutor”, afirma.

Balada Responsável
O Governo de Goiás lançou em setembro do ano passado o programaBalada Responsável com o objetivo de conscientizar condutores de veículos sobre os riscos de álcool e direção e alertar para a importância do cumprimento da Lei Seca. Segundo o presidente do Detran, Edivaldo Cardoso, nos últimos três meses foram abordados 19 mil veículos e apreendidas 670 CNHs. Ainda nesse período, as mortes em acidentes de trânsito tiveram redução de 30% e os acidentes caíram 50%.

A blitz, realizada em pontos estratégicos, envolve de 10 a 12 pessoas (policiais militares, agentes da AMT e educadores de trânsito do Detran) com a utilização de bafômetros e equipamento eletrônico de fiscalização de veículos. Além das blitzen, grupos de educadores e integrantes da Associação dos Deficientes Físicos do Estado de Goiás (Adfego) percorrem bares e restaurantes para divulgar as ações e entregar material educativo aos frequentadores.

Por Gessy Chaves
Fonte Goiasagora

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários anônimos não serão publicados.

 
© Copyright Jornal Classifique 2011 - Todos os Direitos Reservados | Powered by Grupo GBC.
Template Design iNOVA Criaçoes | Desenvolvido para Jornal Classifique e Novagraf