19/11 - 10:14h - Farmacêutica da Cidade de Goiás é destaque no Diário da manhã

A Farmacêutica Maria de Lourdes da Farmácia Popular da Cidade de Goiás foi matéria de capa na edição do Jornal Diário da manhã do dia 04 de novembro deste ano, e abaixo transcrevemos na íntegra toda a matéria, considerando que esta grande profissional da área, é digna de grandes destaques em toda mídia pelos relevantes serviços prestados a toda população.



Farmacêutica encontra remédio para prosperar

Participação em prêmio de competitividade desperta necessidade de mudança e adequação ao mercado


Há 15 anos, Maria de Lourdes Reis Oliveira, que vive na Cidade de Goiás (149 km de Goiania), percebeu que um dos bairros do município, o João Francisco, estava em crescente desenvolvimento. Localizado próximo à rodoviária, a farmacêutica encontrou nele uma oportunidade de instalar um negocio, a Farmacia Popular, que começou a funcionar com menos da metade do espaço que possui atualmente.
                Secando o fundo de garantia e fazendo alguns empréstimos. Maria de Lourdes viu a Farmacia Popular crescer e, em cinco anos de atividade, adquiriu uma loja maior e conseguiu quitar todas as dividas. Hoje, a renda da farmácia é suficiente para manter a proprietária e seus quatro empregados.
                Com especialização em acupuntura, a farmacêutica Maria de Lourdes montou também um espaço para atender seus clientes. Seu plano, agora, é agregar uma sala ao lado da farmácia, destinada exclusivamente ao atendimento de acupuntura.
                A visão empreendedora sempre acompanhou Maria de Lourdes. Ao realizar consultoria no Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas Sebrae (Sebrae de Goias), ela notou que precisava melhorar seu empreendimento. “Percebi a necessidade de definir uma missão e analizar o desempenho da loja”,confessa.             
                               Necessidade de melhorias.
                O questionário para selecionar candidatos ao MPE Brasil 2011 – Premio de Competitividade para Micro e Pequenas Empresas que Maria de Lourdes respondeu, surtiu resultados. Foi a partir dele que a farmacêutica percebeu as necessidades de mudança. “Estou tomando o questionário como base para mudar meu negocio, inclusive realizando algumas pesquisas de satisfação do cliente “, afirma.
                Com esse objetivo em mente, a empreendedora vem buscando incentivos e formas de fazer com  que seu empreendimento prospere. Além de consultorias, Maria de Lourdes vem participando de palestras e minicursos oferecidos pelo Sebrae. “Quando não tenho a possibilidade de fazer o curso presencial, eu busco as opções de cursos on-line na página do Sebrae na internet”, conclui a farmacêutica.


Por Juilana Chaves
Fonte: Diário da Manhã
(Ana Carolina de Deus/ANS)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários anônimos não serão publicados.

 
© Copyright Jornal Classifique 2011 - Todos os Direitos Reservados | Powered by Grupo GBC.
Template Design iNOVA Criaçoes | Desenvolvido para Jornal Classifique e Novagraf